Cerimônia do Fogo Sagrado reúne bom público na aldeia Tabaçu em Peruíbe

Famílias da comunidade indígena participam da cerimônia na aldeia Tabaçu

 

Revitalizar e levar novas energias para a aldeia Tabaçu Reko Ypy, de Peruíbe. Este foi o objetivo da tradicional Cerimônia do Fogo Sagrado “Tataruçu Katu” (em tupi-guarani), em sua terceira edição. A festa reuniu um bom público e diversos colaboradores, no sábado (11) e domingo (12), durante todo o dia.

Na abertura da festa, na manhã de sábado, a líder da aldeia Itamirim agradeceu a todos que prestigiaram e colaboraram com a cerimônia. “Hoje estamos aqui para celebrar e agradecer a presença de todos. E lembrar a todos que já estiveram aqui que já fazem parte da grande família Tabaçu”, salientou. Ela destacou ainda a importância de se preservar a cultura e os costumes da comunidade indígena.

Os indígenas mais antigos das duas aldeias Tabaçu e Piaçaguera – Dora, Catarina e Pajé Guaíra também entoaram alguns cantos indígenas em tupi-guarani e dançaram.

No início da tarde de sábado, aconteceu a cerimônia principal – o acendimento do fogo sagrado com a apresentação da Dança do Fogo e os cantos em tupi-guarani. Houve ainda o acendimento da Tocha olímpica com a realização dos jogos tradicionais indígenas.

Os visitantes tiveram a oportunidade de conhecer um pouco dos costumes da comunidade indígena, como as apresentações culturais, o desfile de beleza indígena, venda de artesanatos (colares, brincos e filtro dos sonhos) e de ervas medicinais, pinturas corporais, além de comidas e bebidas feitas pelos indígenas.

E conheceram ainda uma exposição fotográfica com o tema “Vidas na ladeia Tabaçu Reko Ypy”, com fotos que retrataram o dia a dia na aldeia Tabaçu, da fotógrafa Regiane C.M. A festa contou também com a participação de outras comunidades indígenas tupi-guarani da região.

Integrantes da Sociedade de Apoio à Causa Indígena (Saci) estiveram presentes e colaboraram com o empréstimo de algumas cadeiras e mesas e, também com um bolo feito carinhosamente pelas colaboradoras Raquel e Irene Muniz que foi doado à comunidade.

A cerimônia teve ainda o apoio da prefeitura de Peruíbe, da Etec de Peruíbe e de outros colaboradores.

Aldeia Tabaçu – A aldeia Tabaçu Reko Ypy conta, hoje, com nove famílias e 22 crianças, e ainda uma escola de Ensino Fundamental onde lecionam três professores. As famílias sobrevivem com a venda do artesanato, e também com o projeto de Turismo de Base Comunitária, por meio de visitas monitoradas de turistas e estudantes interessados em conhecer a vida e os costumes indígenas. A aldeia fica localizada na rodovia Padre Manuel da Nóbrega km 338,5, em Peruíbe.

 

Visitantes conhecem um pouco da cultura e dos costumes indígenas

 

No sábado aconteceu a abertura da cerimônia do Fogo Sagrado com a Dança do Fogo

 

Integrantes da SACI com a com a líder Itamirim

 

Texto – Nayara Martins
Fotos: Nayara Martins, Roseli Fernandes e Edna Muniz

Updated: 13/08/2018 — 12:00 pm

1 Comentário

Publicar Comentário
  1. Que demais esse site!!! Fácil leitura e gostoso de ler. Tirou todas as minhas dúvidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SACI - Sociedade de Apoio à Causa Indígena © 2018 - Desenvolvido por: Francesco Antonio Picciolo - Hard Design Web Frontier Theme